23 julho 2020

Unidas: Preservação da saúde dos clientes e funcionários

Confira os procedimentos de segurança da Localiza no combate contra o coronavírus e pela preservação do bem-estar de clientes e funcionários.

Enquanto a pandemia de Coronavírus se alastra pelo mundo, as empresas têm um papel fundamental na prevenção do contágio entre os seus colaboradores, principalmente aqueles que fazem parte dos grupos de risco (idosos e pessoas com a imunidade reduzida, entre outros). Cuidar da saúde e do bem-estar das pessoas faz parte do negócio, promove a satisfação e retenção dos talentos de todas as áreas, além de ser fundamental para a colaboração com os esforços na luta contra o COVID-19.

Além das recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS),  que estão sendo amplamente divulgadas pelos principais meios de comunicação, a Unidas Frotas listou algumas práticas para a higienização dos veículos corporativos para que eles não se tornem facilitadores do contágio e da disseminação do Coronavírus. Confira:

1. Mantenha os veículos da sua frota limpos e aspirados

A limpeza corriqueira dos veículos, por dentro e por fora, é o primeiro passo.

É necessário dar atenção especial à poeira, que fica nos estofados, no carpete, nas fendas entre costuras e debaixo dos bancos. O uso do aspirador de pó ajuda a diminuir essa poeira, que além de reter possíveis vírus que circulam neste ambiente, também pode causar alergias e outras condições que deixam seus colaboradores mais suscetíveis à gripe comum e à ação do Coronavírus.

Não se esqueça dos tapetes do carro, que devem lavados com materiais específicos ou com uma mistura de sabão neutro e água. Depois, secá-los adequadamente é fundamental, pois a umidade favorece o crescimento de fungos e bactérias, principalmente se o carro ficar fechado por muito tempo.

2. Higienize os pontos de contato com álcool ou outros produtos de limpeza

Higienize os pontos de contato com álcool ou outros produtos de limpeza

Os locais onde as pessoas tocam com mais frequência devem ser limpos com álcool 70% ou outros produtos específicos para a higiene automotiva. Isso porque alguns deles podem ser manchados ou estragados com o álcool.

Oriente a equipe de limpeza para focar nos pontos de contato do motorista e dos passageiros dentro e fora do veículo, como o volante, maçanetas, botões das janelas e rádio, entre outros.

3. Oriente para circular com as janelas abertas sempre que possível

Pessoas confinadas na cabine de um veículo favorecem a circulação de vírus e outras partículas no ar. Por isso, é melhor deixar as janelas do carro sempre abertas. Quando não for possível, em caso de chuvas ou de calor muito intenso pode ser usado o ar condicionado, desde que seja observada a próxima dica.

4. Verificar sempre a limpeza do ar condicionado

O sistema de ar condicionado é um ambiente muito propício para a proliferação de vírus e bactérias quando não está devidamente higienizado. Trocar regularmente o filtro de ar é outra prática recomendada, pois reduz a poeira e garante melhor qualidade de ar que é respirado dentro do veículo.

5. Alertar sobre o acúmulo de lixo no interior do carro

O chamado “lixocar” é muito útil para coletar todo o tipo de lixo que pode ser produzido durante a utilização do veículo, mas deve ser esvaziado diariamente para não acumular lenços de papel usados e outros materiais que podem conter o Coronavírus.

6. Disponibilize materiais de higiene para todos os veículos e usuários

Disponibilize materiais de higiene para todos os veículos e usuários

Faça com que todos os veículos da sua frota tenham pelo menos um frasco de álcool em gel 70%, para a higienização corriqueira das mãos quando não for possível lavá-las, e também lenços ou toalhas descartáveis de papel, que podem ser usadas para proteger a boca e o nariz na hora de uma tosse ou de espirros e até para limpar superfícies do carro.

Como o contágio do Coronavírus se dá, em parte, pelo contato físico, o álcool em gel 70% e as toalhas de papel são muito úteis para evitarmos a disseminação do vírus.

Além de manter os veículos higienizados, adote outras práticas de prevenção

A Organização Mundial de Saúde recomenda medidas básicas de higiene como a principal forma de prevenção contra o COVID-19:

  • Lavar as mãos por, no mínimo, 20 segundos com água e sabão, secando depois com toalhas de papel descartáveis;
  • Higienizar as mãos com álcool em gel 70% quando não for possível lavá-las;
  • Fazer a higiene nasal com lenços ou toalhas descartáveis;
  • Cobrir a boca e o nariz com lenços de papel ou com a dobra do braço sempre que tossir ou espirrar;
  • Evitar lugares fechados e aglomerações de pessoas;
  • Adiar viagens, principalmente as internacionais, até que a pandemia esteja sob controle.

Essas e outras recomendações são muito importantes para evitar o crescimento acentuado de casos do Coronavírus no Brasil. Muitas empresas estão adotando o home-office quando possível para que seus colaboradores circulem menos pelas ruas, medida que é encorajada e adotada por companhias de todos os portes no mundo inteiro.

Quando isso não é possível, recomenta-se evitar reuniões (principalmente aquelas com mais de 5 pessoas) e manter uma distância de 1,5 metros entre os colaboradores.

Selecione ferramentas adequadas para o gerenciamento das equipes e da produtividade, minimizando o contato físico e, como bônus, aprenda a promover a eficiência dos profissionais que, certamente, terão evoluído muito quando toda essa crise estiver solucionada.

Todos têm que se dedicar para que o país e o mundo passem o mais rapidamente pelo Coronavírus, e aproveitar para crescer profissionalmente com todas as lições aprendidas.

Você quer contribuir com mais alguma dica de prevenção contra o COVID-19? Deixe seu comentário no final do post e faça a sua parte para o bem-estar dos trabalhadores e de toda a sociedade!

A UNIDAS comunica que, nos termos do inciso I do Artigo 2º da Deliberação CONTRAN nº 186, ficou suspenso temporariamente o envio das notificações de autuação de trânsito enquanto perdurar a interrupção dos prazos para indicação de condutor e interposição de recursos, conforme Deliberação CONTRAN nº 185. (Consulta disponível no site:https://infraestrutura.gov.br/deliberacoes-denatran.html)Apenas para esclarecimento, verificamos junto aos sites dos órgãos competentes, a ocorrência de diversas infrações de trânsito relacionadas aos veículos de propriedade da Movida e locados aos nossos clientes, que se encontram pendentes de emissão por parte desses órgãos.Dessa forma, informamos que o faturamento e cobrança dos valores referentes as multas de trânsito, ocorridas nesse período e durante a vigência de seu contrato de locação, serão realizados posteriormente pela UNIDAS, tão logo essas notificações sejam emitidas/expedidas pelo órgão de trânsito, nos termos do “Contrato Público” e da legislação vigente.

Fonte: Unidas